um texto sem título, mas com muito significado

[texto escrito mais ou menos no início do ano]

Hoje é um dia chuvoso aqui em São Paulo. Dias assim costumam me inspirar e me trazem a sensação de que há algo incrível para se viver. E, na verdade, sempre há.

Tomei um café e agora estou aqui escrevendo sem saber o rumo dessas palavras. Mas gostaria de compartilhar que muitas coisas estão acontecendo ao mesmo tempo. E estou em constante transformação – sempre estamos, mas às vezes é diferente. Eu percebi o quanto é prazeroso compartilhar nossas vidas, nossos gostos, nossas felicidades, nossas filosofias com outras pessoas; a experiência tem me proporcionado momentos incríveis. Tenho prestado mais atenção nos outros, sentindo a energia, olhando nos olhos. E tenho conhecido pessoas incríveis que muito me ensinam sobre a vida.

A solidão é necessária para percebermos a importância da companhia outro. Da mesma forma, é necessária para compreendermos a nós mesmos.

Anúncios

Terceiro primeiro post

Pois é. Essa é a terceira vez que decido repaginar e recomeçar esse blog. Tudo muda muito rapidamente na minha cabeça e eu sinto a necessidade de sempre adaptar esse espacinho às estações da minha mente. Sinceramente, eu preciso parar. Parar de ser embalada pelas inconstâncias e simplesmente olhar pra frente e seguir o caminho. Tentar me adaptar sempre, parece perda de tempo. Nessa altura já era pra eu ter desistido, mas algo sempre me faz voltar pra cá.

Mas estou feliz, apesar de tudo. Porque compartilhar o que há de belo ao meu redor me faz sentir mais viva, de alguma forma e espero que sintam a energia que quero, de coração, passar.